Notícias de Crato, Ceará.

Vice-prefeito de Crato é acusado de burlar seleção pública

A 3ª Promotoria de Justiça do Ministério Público do Ceará, em Crato, ajuizou uma Ação Civil Pública para responsabilização do vice-prefeito de Crato, André Barreto, por improbidade administrativa. A mesma ação inclui o atual secretário-adjunto de Segurança Pública, Rondinele Brasil - ex-assessor do prefeito -, e a servidora Rejane Brasil.

A promotoria acusa os três de burlar uma seleção pública para contratação de servidores temporários para a Secretaria de Saúde do Crato, em 2017. Segundo a promotoria, eles facilitaram a contratação de uma candidata que não tinha a qualificação necessária para a função e, assim, violaram princípios fundamentais da administração pública. O caso foi encaminhado para a 1ª Vara Cível de Crato. 

ATENÇÃO: Esse artigo é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. PLÁGIO É CRIME e está previsto no artigo 184 do Código Penal. - e no artigo 5º da Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Expediente

O Crato Em Foco é mantido por Robson Roque, jornalista, historiador, mestrando em Jornalismo e especialsita em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais. Contato: (88) 9 9714-0886

Destaque

Urca consegue aprovação de novo mestrado

A Universidade Regional do Cariri (Urca), através do Departamento de Economia, teve aprovado o seu mestrado acadêmico em Economia Regiona...