Notícias de Crato, Ceará.

Servidores rejeitam proposta da Prefeitura e podem deflagrar greve em Crato

Foto: Robson Roque - Crato Em Foco

Servidores da Educação rejeitaram, na manhã desta quinta-feira, proposta de reajuste salarial de 2% feita pela Prefeitura do Crato. Caso não sejam atendidos, podem deflagrar greve na próxima semana.

“A proposta retirada aqui na assembleia foi 7,64% em cima do salário base, retroativo a janeiro e a possibilidade da concessão de alguma outra coisa para os servidores que são da educação, mas não do magistério, como merendeiras e auxiliares de serviços gerais”, explica a presidente do sindicato dos servidores, Denise Pinheiro.

A assembleia ainda deliberou que os profissionais não aceitam reajuste menor a 6,58%. A gestão municipal será informada da decisão pelo setor jurídico do sindicato para novamente analisar as propostas que também são por melhores condições de trabalho.

Uma nova assembleia na próxima quarta-feira poderá deflagrar greve no município. Confira abaixo entrevista em vídeo com a presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Crato, Denise Pinheiro.


ATENÇÃO: Esse artigo é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. PLÁGIO É CRIME e está previsto no artigo 184 do Código Penal. - e no artigo 5º da Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Expediente

O Crato Em Foco é mantido por Robson Roque, jornalista, historiador, mestrando em Jornalismo e especialsita em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais. Contato: (88) 9 9714-0886

Destaque

Prefeito de Crato garante urbanização da Baixada Fluminense

Recursos articulados pelo vereador Amadeu de Freitas (PT) junto a deputada federal Luizianne Lins (PT), por meio de emenda parlamentar, v...