Notícias de Crato, Ceará.

Interditado, estádio Mirandão completa 34 anos nesta segunda-feira

Estádio Mirandão completa 34 anos nesta segunda-feira | Foto: Robson Roque - Crato Em Foco

O estádio Mirandão completa 34 anos nesta segunda-feira. Inaugurado em 9 de maio de 1982 a praça esportiva amarga, atualmente, algumas marcas negativas: o fato de não estar liberado para a realização de jogos profissionais e, devido a interdições, não permitir ao Crato Esporte Clube estrear nas Séries A e B do Campeonato Cearense há mais de quatro anos. Como novidade, a partir deste ano ele sera utilizado por Crato e Portuguesa Cratense (saiba mais sobre isto
no final da matéria).

A última vez que o Azulão da Princesa estreou em casa foi há quatro anos e três meses, em 19 de janeiro, quando empatou sem gols com o Fortaleza. De lá para cá já são 1.572 dias que não atua em casa na sua primeira partida em competições oficiais, com o agravante de que a atual Série B está a quatro rodadas de chegar ao fim e o Crato só jogou no Mirandão uma vez, com a prerrogativa de que a partida fosse realizada sem a presença de torcedores.

Vasco treina no Mirandão, em Crato, dia 21 de agosto de 2014 |
Foto: Agência Miséria de Comunicação
História
O estádio Mirandão foi inaugurado em 9 de maio de 1982 em amistoso disputado entre Ceará x Bangu-RJ, vencido por 2 a 1 pela equipe carioca. O árbitro da partida foi Leandro de Castro Serpa. Zelito abriu o placar no primeiro tempo, o lateral-esquerdo Bezerra descontou para o Ceará em cobrança de pênalti, porém  Mirandinha garantia a vitória para os cariocas. Por ter vencido este jogo, o Bangu ganhou a Taça Governador Virgílio Távora, figura política que dá nome ao estádio.

O estádio cratense é localizado no bairro que leva o seu nome, Mirandão, e mantém as dimensões de 70x105 metros (a medida mínima são 45x90m e a  máxima 90x120m). Recebeu ainda Botafogo e Flamengo, ambos do Rio de Janeiro, para amistosos em 1995 e 1996 contra Icasa e Portuguesa do Crato, respectivamente. Recentemente recebeu treinos de Vasco e Palmeiras que enfrentariam o Icasa pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Treino do Palmeiras no Mirandão | Foto: Marcelo Hazan/ Globo Esporte

Shows e maiores artilheiros
Além de jogos de futebol foi palco de shows, como do Padre Zezinho no auge da carreira do padre, cantor e compositor. jogador do Guarani de Juazeiro, Manoel da Silva marcou dez gols sobre o Independência, do Crato, tornando-se o maior artilheiro em uma única partida. Os maiores artilheiros do Mirandão são Djalma e Assiszinho, quando atuavam pelo Crato Esporte Clube.

Djalma marcou 24 gols, enquanto os dados coletados de Assizinho constam 19 gols. Porém dados de anos em que ele atuou no clube foram perdidos e estima-se que ele tenha ultrapassado os 30 gols.

Estádio "dividido"
Da mesma forma que o Romeirão, em Juazeiro do Norte, abriga jogos de Guarani e Icasa, o Mirandão passará este ano a ser dividido entre Crato Esporte Clube e Portuguesa Futebol Clube que voltou a ser equipe profissional ao se refiliar à Confederação Brasileira de Futebol. Um dos vestiários e parte das arquibancadas serão pintados com as cores verde e vermelha da Lusa cratense e outra parte permanecerá reservada ao Azulão da Princesa.


  Escolha tipo e tamanho da fonte do texto:
ATENÇÃO: Esse artigo é de direito reservado. Sua reprodução, parcial ou total, mesmo citando nossos links, é proibida sem a autorização do autor. PLÁGIO É CRIME e está previsto no artigo 184 do Código Penal. - Lei n° 9.610-98 sobre os Direitos Autorais.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Expediente

O Crato Em Foco é mantido por Robson Roque, jornalista, historiador, mestrando em Jornalismo e especialsita em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais. Contato: (88) 9 9714-0886

Destaque

Prefeito de Crato garante urbanização da Baixada Fluminense

Recursos articulados pelo vereador Amadeu de Freitas (PT) junto a deputada federal Luizianne Lins (PT), por meio de emenda parlamentar, v...